terça-feira, 24 de julho de 2018

Tia má em Recife: Feira Ancestralidade e Resistência

O que você achou? 
Maíra Azevedo é uma das convidadas, a jornalista é um nome forte na luta contra o racismo.

Amanhã, dia 25 de julho, é comemorado o Dia da mulher afro latina e caribenha. Está acontecendo hoje no Pátio de são Pedro, área central de Recife, a Feira ancestralidade e resistência.

Nomes importantes que representam o feminismo negro como: Lia de itamaracá, estarão presentes para apresentações e debates. A programação teve inicio ás 8h e tem previsão para encerrar ás 23, com oficinas de gastronomia, poesia, roda de dialogo, recital e shows, tudo voltado para a cultura afro e feminismo.

  • 14h30 - Oficina de poesia com Adailta Alves - Ancestralidade
  • 16h às 18h- Programação infantil - contação de histórias oriundas do continente africano
  • 16h - Roda de diálogo - Essa ciranda é de todas nós – Arte e ancestralidade da mulher negra latinoamericana e caribenha, com as artistas Lia de Itamaracá e Janaína Gomes e mediação da jornalista Karol Pacheco.
  • 17h - Roda de diálogo - reExistência – a quem será que se destina? Novas plataformas de disão do feminismo negro com as youtubers Tia Má, de Salvador, Uana Mahin, de Recife. A mediação é da jornalista de Lenne Ferreira.
  • 18h - Recital Boca no Trombone + Slam das Minas
  • Programação musical:
  • 19h20 - Lia de Camaragibe
  • 20h20 - Flor de Mulungu
  • Perfomance Aurora Boreal
  • 21h - Isaar
  • 22h - 808 Crew
  • 22h30 - Rayssa Dias
  • DJ Mayara Cajueiro nos intervalos

Nenhum comentário:

Postar um comentário