domingo, 24 de fevereiro de 2019

Mistura de ritmos marca o 55° Baile Municipal do Recife

O que você achou? 
Wellington do Pandeiro, Luisa Perola, Belo Xis, Mc Bruninho, Gerlane Lops, Karynna Spinelli e Nego Thor cantaram o Hino de Pernambuco juntos.
Na noite deste sábado (23), centenas de foliões fantasiados e animados curtiram a 55° edição do Baile Municipal do Recife, que teve início por volta das 21h, no Classic Hall.

A tradicional prévia organizada pela Prefeitura do Recife que além da diversão promove também a solidariedade, beneficiando com a renda arrecada seis instituições beneficentes, contou com diversas atrações de peso em seu palco.


Os jornalistas Francisco José e Beatriz Castro foram os apresentadores do evento que teve início com a participação da Rainha e Rei Momo 2019. 

Em seguida, Maestro Forró e a Orquestra Popular da Bomba do Hemetério deram inicio as atrações musicais com toda irreverencia e animação que é característica do grupo. 

O tradicional Coral Edgar Moraes formado em 1987 pelas filhas e netas do consagrado compositor Edgar Moraes, também subiram ao palco e relembrou os inesquecíveis frevos de bloco que estão eternizados na memória dos foliões.

A Bateria Guerreira do Patusco e Nego Thor deram continuidade a festa até a entrada dos homenageados do Baile e do Carnaval 2019, Belo Xis e Gerlane Lops que ao som de ''É Hoje'' de Caetano Veloso, colocaram o público para cair no samba. O ritmo também foi representado por Karynna Spinelli, Luisa Perola e Wellington do Pandeiro.

Outro ponto alto da festa também foi protagonizado durante uma das apresentações de Gerlane Lops que convidou ao palco para a surpresa de todos o Mc Bruninho, o garoto de apenas 11 anos deu um show de carisma e talento ao lado da homenageada, cantando seus sucessos ''Jogo do Amor'' e ''Sou Favela'' além de ''O Sol'' de Victor Kley, ''O Que é o Que é'' de Gonzaguinha e o Hino de Pernambuco juntamente com vários outros artistas no palco.

Depois o Frevo voltou a reinar ao som de Maestro Spok e sua orquestra que convidou o mestre do frevo Claudionor Germano que marcou a sua 55° participação no evento e a paraense Gaby Amarantos que ao subir ao palco se emocionou ao dividir o sonho realizado com o público. 

"Estive aqui em 2010 como foliã, minha primeira vez no carnaval de Recife, ano que vem completo 10 anos. E daí eu lembro que eu olhei esse palco, vi essa imensidão,vi esse povo e falei um dia eu vou esta ai nesse palco cantando. E hoje tô aqui com essa orquestra maravilhosa," contou alegremente.

Gaby colocou todo mundo para cantar e dançar os seus sucessos e também cantou o nosso tradicional frevo de bloco. Durante sua participação a cantora aproveitou também para levantar a Bandeira do Carnaval sem assédio e do respeito a todas as crenças, religiões e opções sexuais. 

Em seguida Elba Ramalho continuou o show que com toda a sua energia e vitalidade deu um show a parte cantando Frevos, Axé, Clássicos do movimento Mangue Bit e Rock nacional.

Depois do Belíssimo e eclético show de Elba, já passava das 3 horas da manhã quando Maestro Spok recebeu Almir Rouche, André Rio, Nena queiroga e Gustavo Travassos que finalizaram a prévia em grande estilo e ao som de muito frevo. 

Sem dúvidas a mistura de ritmos e culturas compartilhadas durante o show foi o ponto forte da festa e agradou em cheio os foliões.


Confira algumas das nossas fotos


Francisco José e Beatriz Castro foram os apresentadores do evento.

Maestro Forró foi o primeiro a subir palco.





A bateria do Patusco também animou a festa.



Gerlane Lops uma homenageada do carnaval 2019.

Mc Bruninho cantou seus sucessos junto com Gerlane Lops.

Karynna Spinelli também subiu ao palco.

Belo Xis é um dos homenageados do carnaval 2019.

Maestro Spok e sua orquestra levaram muito frevo para o evento.

Claudionor Germano participando  pela 55° vez do evento, recebeu homenagem do maestro Spok.



Gaby Amarantos participando pela primeira vez do Baile Municipal.

Gaby Amarantos, Elba Ramalho e Gerlane Lps.

Nenhum comentário:

Postar um comentário