quarta-feira, 6 de março de 2019

Empoderamento feminino marca show de Gaby Amarantos no Marco Zero

O que você achou? 

Último dia do carnaval no Marco Zero foi palco para a mistura de ritmos e protestos contra qualquer tipo de discriminação.
Após cinco dias de shows com vários nomes de peso da cultura brasileira no marco zero, nesta terça-feira (05), foram realizadas as últimas apresentações do período carnavalesco.

Para iniciar a noite, a paraense Gaby Amarantos subiu ao palco cantando um dos sucessos de Pink Floyd.



Logo após já começou com a música "envolvimento" da pernambucana MC Loma que foi hit do carnaval 2018, "A Mc Loma é tão poderosa quanto Pink Floyd." afirma a artista.

Vestida em um macacão vermelho com pedras e penas coloridas, Gaby estava acompanhada de  um ballet formado por quatro mulheres negras.

Figura importante para o empoderamento feminino, em vários momentos falou sobre empatia e descriminação. Preconceito racial e  assédio foram alguns pontos destacados em meio as músicas.


Passistas de frevo e o rei e a rainha do carnaval 2019 também subiram ao palco.



Além dos seus sucessos ''Ex Mai Love'', ''Xirley'' e ''Ela tá beba doida'' ela fez algumas homenagens, enalteceu o brega pernambucano relembrando músicas de Reginaldo Rossi.

Gaby surpreendeu ao homenagear sua amiga e também cantora Deise Cipriano, do Fat Family que faleceu no mês de fevereiro. Em outro momento também homenageou a cultura pernambucana convidando ao palco caboclos de lança que abrilhantaram o show.

Um show multicultural onde vários sucessos brasileiros foram exaltados como o  reggae, brega, frevo, sertanejo universitário e ainda relembrando músicas dos anos 90, Mamonas Assassinas, Xuxa e Balão Mágico são alguns exemplos.

Pela primeira vez ela participou da terça-feira de carnaval no palco do Marco Zero. Em 2020 completará dez anos que faz shows no carnaval de Recife.

Nenhum comentário:

Postar um comentário