quarta-feira, 8 de janeiro de 2020

Cepe marca presença na 17ª Fenahall

O que você achou? 
Estande oferecerá programação cultural e venda de livros com preços promocionais.

A Companhia Editora de Pernambuco - Cepe é por mais um ano presença confirmada na Feira Nacional de Artesanato (Fenahall), que acontecerá entre os dias 10 e 19 de janeiro, no Classic Hall, em Olinda

No local a Cepe contará com um estande de 300 metros quadrados, na área do Mezanino, para a realização de atividades culturais e venda de livros com preços promocionais.



Entre as atrações gratuitas do estande estão contações de histórias de alguns lançamentos infantis da editora, como a dos livros O pedido de Clarice (de Tadeu Pereira com ilustrações de David Affonso) e Atchim!, escrito pelo poeta pernambucano Miró e ilustrado por Cau Gomez.

A leitura de O pedido de Clarice, obra inspirada no universo da escritora Clarice Lispector e que revela uma divertida história que se passa dentro do bolo do oitavo aniversário da personagem Clarice, será feita pelo youtuber e contador de histórias Henrique Ponttinho no próximo sábado, dia 11, às 15h.

 o Tapete Voador aporta no estande da Cepe no dia 18, às 16h, para contar a história de Atchim!, primeiro livro infantil de Miró da Muribeca, que em longo poema aborda perguntas que as crianças costumam fazer aos adultos sobre a vida e sobre Deus.

O gerente de Marketing da Cepe, Rafael Chagas, destaca a participação da Cepe na Fenahall. “Ela acontece em 2020 após a primeira experiência exitosa do ano passado, quando tivemos a oportunidade de apresentar nossos livros a um novo público, também bastante interessado em adquirir cultura. Além disso, a participação na feira nos ajuda a atingir uma importante meta institucional, que é a de ampliar e diversificar o hábito e acesso à leitura em todas as camadas da população”, assegurou.

Ao todo a Cepe levará para a feira 340 títulos de seu catálogo literário com descontos de 30%. O visitante também poderá participar da ação Achado Literário, uma espécie de compras às cegas, em que livros lacrados em envelopes serão espalhados pelo estande apenas com pequenas informações sobre o conteúdo da obra. “Eles serão comercializados por R$ 10,00. Uma divertida e acessível oportunidade para quem quer se aventurar em novas histórias”, indica Rafael Chagas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário